sexta-feira, 1 de julho de 2022

TÚNEL DO TEMPO: O QUE ACONTECEU HÁ 60 ANOS (1 a 31 DE JULHO DE 1962)


01.07.1962
Teve início o Campeonato Brasiliense da Primeira Divisão de 1962, Taça “Juscelino Kubitschek”. Neste ano, os clubes foram divididos em duas zonas: Norte e Sul. A Zona Norte era composta por: Nacional, Rabello, Defelê, Guanabara e Alvorada; Zona Sul: Guará, Colombo, Grêmio, Cruzeiro e Presidência.
A Equipe do Planalto foi suspensa pelo TJD e não participou do Campeonato.
A primeira rodada apresentou quatro jogos. No Estádio Vasco Viana de Andrade, o Grêmio foi surpreendido pelo visitante Guará, que aplicou-lhe goleada de 4 x 0, gols de Raimundinho (2), Zezito e Zizi. No Estádio Israel Pinheiro, o Colombo passou pelo Presidência, por 3 x 0, gols de Tião I (2) e Tião II. Guanabara e Defelê empataram em 2 x 2, no Estádio Aristóteles Góes. Hélio e Eli marcaram para o Guanabara e Zenildo (contra) e Ely para o Defelê. O quarto jogo foi disputado no Estádio Ciro Machado do Espírito Santo. Vitória do Nacional sobre o Alvorada, por 2 x 1, gols de Zezito e Juvenil (contra) para o Nacional e Joãozinho para o Alvorada.

02.07.1962
O Esporte Clube La Salle é expulso do quadro de clubes da Federação Desportiva de Brasília. A agremiação não pagava suas mensalidades e outros tributos e não apresentou atletas para registro.

04.07.1962
Criadas as federações de basquetebol, futebol de salão e pugilismo, ficando extintos da Federação Desportiva de Brasília os departamentos referentes a essas modalidades esportivas.

08.07.1962
Segunda rodada do campeonato brasiliense de 1962. O destaque maior foi a estréia do Rabello, que aplicou goleada de 5 x 0 sobre o Alvorada, gols de Aniel, Paulo (2), Joãozinho e Arnaldo. O jogo foi disputado no Estádio Paulo Linhares, de propriedade do Rabello.
O Grêmio recuperou-se e venceu o outro estreante da rodada, o Cruzeiro do Sul, por 1 x 0, gol de Otílio. Detalhe negativo do jogo: o Cruzeiro do Sul atuou com 7 jogadores.
O Nacional marcou 2 x 0 sobre o Guanabara, no Estádio Aristóteles Góes. Zezito e Cláudio marcaram os gols.
O único jogo sem vencedor foi entre Guará e Colombo: 2 x 2, no Estádio Israel Pinheiro. Os gols foram de Edinho (2) para o Guará e Tião II e Cid para o Colombo.

15.07.1962
Prosseguiu o campeonato brasiliense de 1962, com a realização de mais quatro jogos.
No Estádio Israel Pinheiro, o Guará goleou o Presidência, por 7 x 2, com gols de Aderbal, Zezito (3), Edinho e Clemente (2) para o Guará e Omar (2) para o Presidência.
A outra goleada da rodada aconteceu no jogo Colombo x Cruzeiro do Sul. O placar foi de 5 x 0 a favor do Colombo, com gols de Índio (2), Cid (2) e Tião I.
O Rabello encontrou muitas dificuldades para vencer o Guanabara no Estádio Aristóteles, por 2 x 1. Hélio marcou para o Guanabara e Paulo e Aniel para o Rabello.
Outro jogo com placar apertado aconteceu no Estádio Ciro Machado do Espírito Santo. Ali, o Defelê derrotou o Nacional, por 3 x 2. Ely e Invasão (2) fizeram os gols do Defelê e Bessini (2) para o Nacional.

22.07.1962
O destaque da quarta rodada do primeiro turno do campeonato brasiliense de 1962 foi o clássico Rabello x Defelê. Jogando em seu estádio, Paulo Linhares, o Rabello soube tirar proveito disto e venceu por 2 x 1. Arnaldo e Matias marcaram para o Rabello e Zé Paulo para o Defelê.
No Estádio Ciro Machado do Espírito Santo, o Guanabara superou o Alvorada, por 2 x 0, gols de João e Francisco.
Nos outros dois jogos, empate em 1 x 1.
No Estádio Israel Pinheiro, jogaram Cruzeiro do Sul e Presidência. Foguinho marcou para o Cruzeiro do Sul e Omar para o Presidência.
Com gols de Aragão para o Grêmio e Tião I para o Colombo, Grêmio e Colombo empataram no Estádio Vasco Viana de Andrade.


25.07.1962

Presentes representantes de 12 associações: Guanabara, Defelê, Alvorada, Colombo, Presidência, Cruzeiro do Sul, Nacional, Guará, Rabello e Grêmio (esses com direito a dois votos), Brasil Central e Sobradinho (por estarem licenciados, tinham direito a um voto), aconteceu a eleição para Presidência da Federação Desportiva de Brasília.

Após escrutínio secreto, foram eleitos: para Presidente, Ademar Gomes Moreira, com 12 votos, para 1º Vice-Presidente, Hélio Carvalho de Almeida, com 11 votos e para 2º Vice-Presidente, Wilson Antônio de Andrade, com 11 votos. Os demais dirigentes foram:
Secretário da Presidência: Arlindo Ferreira Pinto; Diretor do Departamento de Futebol: Aliatar Pinto de Andrade; 1º Secretário: Alcides Freitas; 2º Secretário: Nelson Coimbra de Senna Dias; Diretor Tesoureiro: José Carlos de Alvim Botelho; Diretor de Relações Públicas: Wilson Rogério e Diretor da Escola de Árbitros: Ariovaldo Salles.
Para o Conselho Fiscal foram eleitos Alexandre Markus, Jorge Bruno de Araújo e Ricardo Alfredo de Barros, para membros efetivos, e Ciro Machado do Espírito Santo, Luiz da Silva e Sérgio Leal para suplentes.
Para o Tribunal de Justiça Desportiva foram eleitos: Efetivos – Hugo Mósca, Henrique Andrada, Sérgio Ribeiro da Costa, Daniel Aarão Reis, Carlos Baleeiro, Jarbas Fidélis de Souza e Pércio Gomes de Mello. Suplentes – Sylvio de Pyro, Assu Guimarães, Ildeu Diniz, Rubens Furtado e Aloysio Silveira.

29.07.1962
A surpresa da rodada foi a derrota do Rabello diante do Nacional: 1 x 0, gol de Nilson. O jogo foi no Estádio Aristóteles Góes.
Também tivemos a goleada de 6 x 2 do Defelê sobre o Alvorada, no Estádio Ciro Machado do Espírito Santo. Ramiro (2), Oswaldo, Sabará e Ely (2) marcaram os gols para o Defelê e Edmundo e Manoel para o Alvorada.
No Estádio Vasco Viana de Andrade o Grêmio ganhou do Presidência, por 2 x 0, gols de Medalha (contra) e Aragão.
O Guará venceu o Cruzeiro do Sul, por 1 x 0, gol de Zizi. O jogo foi realizado no Estádio Israel Pinheiro.



quarta-feira, 29 de junho de 2022

OS ARTILHEIROS DO CAMPEONATO BRASILIENSE DA SEGUNDA DIVISÃO DE 1997


1º - Muruim (Itapuã) e Ziel (União), 8 gols;

2º - Cassius (Ceilândia), 7;

3º - Serginho (Cristalinense) e Ailton (Taguatinga), 6;

4º - Tuta (Atlântida) e Oscar (União), 5;

5º - Rômulo (Ceilândia) e William e Rogerinho (Itapuã), 4;

6º - Didi (Atlântida), Bochecha (Bosque Formosa), Paulo Sérgio (Itapuã), Fredson, Hermínio e Rogerinho (Taguatinga) e Renato (União), 3;

7º - Arilson (Atlântida), Elvis e Norberto (Cristalinense), Cleiton e Josué (Itapuã) e Kid (União), 2;

8º - Duda, Jefferson, Henrique e Carlinhos (Atlântida), Clóvis, Wilson e Régis (Bosque Formosa), Caetano, Reinan, Leto e Orlando (Ceilândia), Marquinhos, Rogério, Waldemir e Gilmar-contra (Cristalinense), Simão, Robinho e Valdez (Itapuã), Márcio Franco (Taguatinga) e Geraldo, Robson e Marcelo (União), 1.

 

terça-feira, 28 de junho de 2022

HÁ 60 ANOS NO FUTEBOL BRASILIENSE: América, de Belo Horizonte, visita Brasília


A delegação do América, composta de 17 jogadores, cinco dirigentes e um árbitro da Federação Mineira de Futebol, chegou à Brasília no dia 23 de junho de 1962, em avião da Real e se hospedou no Brasília Imperial Hotel.
No dia seguinte, 24 de junho de 1962, o América retribuiu a visita do Rabello, jogando amistosamente em Brasília, no Estádio “Ciro Machado do Espírito Santo”.
Com três tentos de Hilton e um de Marco Antônio, o América voltou a derrotar o alvinegro brasiliense, por 4 x 3.
Na primeira fase a representação mineira já vencia por 3 x 1. Os tentos do Rabello foram consignados por Joãozinho (2) e Alaor Capella. 
A renda foi fraca, passando pelas bilheterias a importância de apenas 150 mil cruzeiros. Dirigiu a partida, com fraca atuação, Morais Pelegrino, da Federação Mineira de Futebol.
Durante os noventa minutos a torcida teve oportunidade de presenciar a um bom espetáculo. Apesar do estado ruim do campo (que não tinha um palmo de grama), Rabello e América apresentaram um futebol bem corrido, fazendo com que o público vivesse momentos de grande expectativa. Os mineiros se mostraram mais entrosados na primeira fase, a ponto de marcar 3 x 1.
No tempo complementar, talvez pensando que o Rabello não oferecesse maior resistência, deixaram de colocar em prática o mesmo futebol dos 45 minutos iniciais, o que valeu uma reação dos locais, consignando mais dois gols e ameaçando a equipe contrária de um empate, que só não veio pela falta de sorte de seus atacantes.
As equipes formaram assim:
RABELLO – Issinha (Matil), Délio, Leocádio e Enes; Calado (Orlando) e Bimba; Nicotina, Léo, Alaor Capella, Joãozinho e Arnaldo.
AMÉRICA – Capelano, Toledo, Cailloux (Roberto) e Luís; Irani e Hilton; Robson, Dario (Jaburu), Marco Antônio, Antônio e Ari (Henrique). Técnico: Yustrich.



domingo, 26 de junho de 2022

COMISSÕES TÉCNICAS DOS CLUBES QUE DISPUTARAM O CAMPEONATO BRASILIENSE DE 1988



Obs.: em ordem alfabética.


BRASÍLIA

DIRETOR: Homero Oliveira Neto
TÉCNICO: Josemar Macedo da Cunha
PREPARADOR FÍSICO: José Carlos de Oliveira e Weber Magalhães
MÉDICO: Walter Rios
MASSAGISTA: Pedro Masseno Ferreira.

CEILÂNDIA

DIRETOR: Antônio Cardoso e Antônio Edvan Aires
TÉCNICO: Aldair Félix da Silva, Hércules Brito Ruas e Rubens Ferreira Meireles
PREPARADOR FÍSICO: Antônio Maurício de Almeida Martins e Elmo José Rodrigues
MÉDICO: José Carlos Mizuno
MASSAGISTA: Sebastião Fernandes dos Santos.

GAMA

DIRETOR: José da Conceição Cruzeiro e Oldemar Bezerra Antunes
SUPERVISOR: Jaime Souza dos Santos e William César Pinto
TÉCNICO: Jaime Souza dos Santos e Orlando Pereira (Lelé)
PREPARADOR FÍSICO: Altair Siqueira
MÉDICO: Domingos Sávio de Sousa Néri e José Aparecido Jorge
MASSAGISTA: Bento Luiz da Silva, João Bosco de Carvalho e Paulo Ferreira da Silva.

GUARÁ

DIRETOR: Walker Rodrigues de Oliveira (Fino) e Wander Marques Abdalla
TÉCNICO: Aldair Félix da Silva, Carlos Barbosa Morales e Nilton Ferreira da Paz (Niltinho)
PREPARADOR FÍSICO: José Dionísio Filho e Marcus Maranhão de Souza
MÉDICO: Júlio César Stoller
MASSAGISTA: Antônio Serafim Filho (Raspinha), Carlos Alberto dos Santos Pereira e Raimundo Ribeiro Campos (Marreta).

PLANALTINA

DIRETOR: Hélio Ricci Lopes e Ubirajara Azeredo Sobrinho
SUPERVISOR: João Batista de Jesus
TÉCNICO: Cristóvão Ferreira, Francisco Ubiracir Rodrigues, Helder Leal Lacerda e Ubirajara Azeredo Sobrinho
PREPARADOR FÍSICO: Carlos Roberto de Paula e Eduir Carlos Luciano.
MÉDICO: Juarez de Paula
MASSAGISTA: Jair dos Santos e José Joaquim da Rosa.

SOBRADINHO

DIRETOR: João Timóteo de Souza Neto e Leônidas Joaquim de Barros Neto
TÉCNICO: Ademir Cruz, Dejane Welton Lopes dos Santos, Manuel Augusto de Melo e Sebastião Augusto de Azevedo Filho
PREPARADOR FÍSICO: Arivaldo Pereira Sampaio
MÉDICO: Francisco Sérgio Jesus dos Santos
MASSAGISTA: Daimon Domingos dos Santos, Francisco Menezes Bonfim e José Costa Medeiros.

TAGUATINGA

DIRETOR: Eurípedes Bueno de Morais e Froylan Pinto
TÉCNICO: José Antônio Furtado Leal e Mozair Barbosa
PREPARADOR FÍSICO: Heitor Kanegae e José Geraldo
MÉDICO: Geraldo Piloto Maciel e Sérgio Francisco
MASSAGISTA: Paulemiro Souza Félix.

TIRADENTES

DIRETOR: Manoel Ribeiro Castelo Branco Cajueiro
SUPERVISOR: Roberval de Paula Teixeira
TÉCNICO: Christovam Ferreira Costa Filho, Dirnei Arno Ferreira, Jorge Cardoso Medina e Roberto Ruben Delgado
PREPARADOR FÍSICO: Dirnei Arno Ferreira e Jorge Moreira Santos Filho
MÉDICO: Satir Lara
MASSAGISTA: Evangelista Lourenço Machado.



sábado, 25 de junho de 2022

AS COMISSÕES TÉCNICAS DOS CLUBES QUE PARTICIPARAM DO CAMPEONATO BRASILIENSE DE 1985


A Comissão Técnica é formada por profissionais que trabalham fora do campo planejando e executando atividades que visam alcançar o principal objetivo do futebol, a vitória.
No campeonato brasiliense de 1985, estes foram os profissionais que buscaram o melhor para seus clubes:

BRASÍLIA
Diretor: Manoel Ribeiro Castello Branco Cajueiro
Técnicos: Manoel Ribeiro Castello Branco Cajueiro, José Roberto Buani e Josemar Macedo de Brito
Médicos: Walter Rios Zambrana e Nain Nogueira Marques
Preparador Físico: Jorge Moreira dos Santos Filho
Massagistas: Pedro Masseno Ferreira e Aroldo Lopes de Souza.

CEILÂNDIA
Diretores: Juracy Alcino Barbosa, Luiz Alexandre Sobrinho e Antônio Venâncio da Silva Junior
Técnico: Fleury Renê Neves
Médicos: José Carlos Mizuno, Moacir Lemos Machado, Alberto Pessoa Valente e Francisco de Assis Amorim
Preparador Físico: José Ivan Monteiro da Silva (Passarela)
Massagistas: Edivaldo Lisboa de Souza e Francisco Ribeiro (Chicão).

GAMA
Diretor: Wander Marques Abdalla
Técnicos: Alaor Capella dos Santos e Antônio Humberto Nobre (Canhoto)
Auxiliar Técnico: Antônio Serafim (Raspinha)
Médico: Flory Machado Sobrinho
Preparador Físico: Sérgio Manoel de Assis Oliveira Rocha
Massagista: Carlos Roberto da Silva
Mordomo: Carlos Alberto Lopes.

GUARÁ
Diretor: Airton Silveira
Supervisores: Antônio Francisco Dourado e Raul Pinto de Carvalho
Técnicos: Mozair Barbosa e Jaime Francisco dos Santos
Médico: Rubens Boettger
Preparadores Físicos: José Dionísio Filho, Pedro Hugo Barros e Jamir Carlos Garcez
Massagista: José Cezario de Barros.

PLANALTINA
Diretores: Isanei Leite Jardim e Natal Medina
Supervisor: Hélio Ricci Lopes
Técnicos: José Olinto Ferreira (Zé do Norte) e Isanil Sávio Lopes Jardim
Médicos: Boulandir Borges e Idalci Silvério Borges
Preparador Físico: Carlos Roberto de Paula, Carlos Alberto do Carmo Reis e Alécio Gomes.
Massagista: Wilmar Araújo (Barriga) e Aristóteles Gomes Vieira.

SOBRADINHO
Supervisores: Carlos Romeiro e Manoel de Sena Oliveira
Técnico: José Antônio Furtado Leal 
Médicos: Francisco Sérgio Jesus dos Santos e Avelino Neto Ramos
Preparador Físico: José Geraldo de Andrade Neto
Massagistas: Paulo Ferreira da Silva, José de Medeiros Costa e Jovino José dos Santos.

TAGUATINGA
Supervisor: Eurípedes Bueno de Morais
Técnicos: Joaci Freitas Dutra (Alencar) e Mozair Barbosa
Médicos: José Aparecido Jorge, Geraldo Piloto Maciel e Rubens Weder
Preparadores Físicos: Nilson Ramos Siqueira e Heitor Kanegae
Massagistas: Raimundo Ribeiro Campos (Marreta) e Paulemiro Souza Félix.

TIRADENTES
Diretores: Leo Carlos Costa e Odair Rizza Vasconcelos
Supervisores: Antônio Elias da S. Rocha e Roberval de Paula Teixeira
Técnicos: Ercy Rosa de Souza, Aparecido José e Leo Carlos Costa
Médico: Satir Lara
Preparador Físico: Dirnei Arno Ferreira
Massagista: Evangelista Lourenço Machado.



sexta-feira, 24 de junho de 2022

COMISSÕES TÉCNICAS DOS CLUBES QUE PARTICIPARAM DO CAMPEONATO BRASILIENSE DE 1982

 


 

BRASÍLIA

 

DIRETOR: Almir de Azevedo Vieira e Manoel Ângelo dos Santos Neto

TÉCNICO: Ercy Rosa de Souza

PREPARADOR FÍSICO: Altair Siqueira

MÉDICO: Francisco Sérgio de Jesus Santos

MASSAGISTA: Antônio Serafim Filho (Raspinha) e Benedito Ferreira Santos.

 

CEILÂNDIA

 

DIRETOR: Antônio Evangelista, Wellington da Silva Cruz e Geraldino Ney Pinto Barreto

TÉCNICO: Eurípedes Bueno de Morais, Otaziano Ferreira da Silva, Antônio César Castelo Branco, Geraldino Pinto Barreto, Rogério Scardini Assis e Geninho

PREPARADOR FÍSICO: Rogério Scardini Assis, Antônio Edvan Aires, Francisco Antônio da Silva e Elias Zeferino

MÉDICO: Carlos Jader da Silva Pereira

MASSAGISTA: Wellington Campos, João Lopes Borges, Christóvão Francisco das Chagas, Claudionor O. da Silva, Wilson Paulino e Odilon Francisco.

 

GAMA

 

DIRETOR: Osman Ribeiro Araújo, José Cruzeiro, Edelmário Luiz de Almeida e José Eduardo Diniz Vale

TÉCNICO: Carlos Barbosa Morales, Paulo Murilo Ferreira e Manoel Miluir Macedo Cunha

PREPARADOR FÍSICO: Waldir Thiessen e Manoel Miluir Macedo Cunha

MÉDICO: José Aparecido Jorge

MASSAGISTA: Lázaro Donizeti da Silva e Alício dos Santos.

 

GUARÁ

 

DIRETOR: Airton Getúlio Silveira

TÉCNICO: Antônio Fabiano Ferreira (Raimundinho) e Waldyr "Didi" de Carvalho

PREPARADOR FÍSICO: Pedro Hugo Barros

MÉDICO: José Walcio Guimarães de Souza

MASSAGISTA: José Cesário de Barros.

 

SOBRADINHO

 

DIRETOR: Milton Soares

TÉCNICO: Jorge Cardoso Medina, Benevides Lopes, Antônio Souza Arantes, Djane Welton e Manoel Esperidião Pereira (Manoelzinho)

PREPARADOR FÍSICO: Demétrio Peres da Silva, Maurício Pradera e Édson Dias dos Santos

MÉDICO: Angelino José de Resende e Manoel de Sena Oliveira

MASSAGISTA: Pedro Masseno Ferreira.

 

TAGUATINGA

 

SUPERVISOR: Carlos Romeiro

TÉCNICO: Carlos Barbosa Morales e Antônio Humberto Nobre (Canhoto)

PREPARADOR FÍSICO: José Geraldo de Andrade Neto e José Antônio Furtado Leal

MÉDICO: Flory Machado Sobrinho

MASSAGISTA: Paulemiro Souza Félix e Guaraci Ribeiro Macedo.

 

TIRADENTES

 

DIRETOR: Roberto César Menezes e Manoel R. Castelo Branco Cajueiro

TÉCNICO: Luiz Artur Gomes e Airton Luiz Nogueira

PREPARADOR FÍSICO: Dirnei Arno Ferreira

MÉDICO: Satir Lara

MASSAGISTA: Oracy Pereira França e Lourenço Machado.

 

 

quinta-feira, 23 de junho de 2022

COMISSÕES TÉCNICAS DOS CLUBES QUE DISPUTARAM O CAMPEONATO BRASILIENSE DA SEGUNDA DIVISÃO DE 1997

 

Osvaldo Metralha, o técnico campeão


ATLÂNTIDA

 

DIRETOR: Francisco Augusto de Souza Garcia

TÉCNICO: Francisco Edward Machado

PREPARADOR FÍSICO:  Carlos Félix e Silva

MÉDICO: Geraldo Piloto Maciel

MASSAGISTA:  Elias Caldeira Araújo e Valmir A. Moura

 

BOSQUE FORMOSA

 

DIRETOR: José Marques Domene

TÉCNICO: Geraldo Gomes Lima e Valdemar Melo de Souza

PREPARADOR FÍSICO:  Evaldo Gonçalves de Andrade e Luiz Carlos Cardoso dos Santos

MASSAGISTA:  José Antônio da Silva e Wilson José da Rocha

 

CEILÂNDIA

 

DIRETOR: Raimundo R. de Queiroz

TÉCNICO: Sílvio de Jesus Silva

PREPARADOR FÍSICO:  Divino Ferreira Santos

MASSAGISTA: Francisco Fernandes de Souza e Rogério Pereira dos Santos

 

CRISTALINENSE

 

DIRETOR: Arquimedes Picolotto e Waldecy Lunardi

SUPERVISOR: João Jerônimo Dantas

TÉCNICO: Alberto Alves e José Pedro de Oliveira Pradera

PREPARADOR FÍSICO:  Wilson Reinaldo

MASSAGISTA:  Joaquim Honório de Souza

 

ITAPUÃ

  

DIRETOR: Pedro Martins de Souza e Sílvio Romano Mendes

TÉCNICO: Osvaldo Pereira da Silva "Metralha"

PREPARADOR FÍSICO:  Geraldo Antônio Rabelo

MASSAGISTA: Jamil Deodoro de Freitas e Mauro Lúcio de Medeiros

 

TAGUATINGA

 

DIRETOR: Albergo Juvêncio Diniz

TÉCNICO: Edair Rosa de Souza

MÉDICO:  Geraldo Piloto Maciel

 

UNIÃO

 

DIRETOR: Orlando Jesus Silva Pereira

SUPERVISOR: Sílvio Moura Brochado

TÉCNICO: Leopoldo Caldeira Junior

PREPARADOR FÍSICO:  Juarez Pereira da Silva e Orlando Álvares da Silva Campos

MÉDICO:  José Guillermo Calderon Espinosa e José Rodrigues de Moura

MASSAGISTA:  Hélio Moreira e Jesus Avelar.

 

 

 

quarta-feira, 22 de junho de 2022

COMISSÕES TÉCNICAS DOS CLUBES QUE DISPUTARAM O CAMPEONATO BRASILIENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO DE 2002




ARUC

SUPERVISOR: Manoel Ribeiro Castelo Branco Cajueiro

TÉCNICO: José Lopes de Oliveira (Risada)

PREPARADOR FÍSICO: José Nilton Matias da Silva

MÉDICO: Fabiano Duarte Dutra e Ricardo César Frade Nogueira

MASSAGISTA: Francisco Ribeiro de Sousa e Wilson Afonso dos Santos Junior

 

BANDEIRANTE

SUPERVISOR: Hélino Silva Morais e Walmir Rodrigues de Santana

TÉCNICO: Alceri Furtado Pereira, Jorgenei Nery da Silva e Pedro Ramos Mendes

PREPARADOR FÍSICO: Marcelo Spínola e Marcos Aurélio Sudário

PREPARADOR DE GOLEIROS: Clésio Antônio

MÉDICO: Jardel Mário Lopes Cansado

MASSAGISTA: Fábio da Silva Nascimento e José Aparecido da Silva

 

BRASÍLIA

SUPERVISOR: Paulo Roberto Alves

TÉCNICO: Eurípedes Bueno de Morais, Manoel Miluir Macedo Cunha e Sidney Waldo Vasconcelos Picanço

PREPARADOR FÍSICO: Roberto Freire Patu

MÉDICO: Leonardo Rios Diniz

MASSAGISTA: Helton Holanda

 

BRASILIENSE

SUPERVISOR: Roberval de Paula Teixeira

TÉCNICO: Péricles Raimundo Oliveira Chamusca e Sérgio Aparecido Alexandre

PREPARADOR FÍSICO: José Carlos Albuquerque (Zeca)

MÉDICO: Paulo Lobo e Tiago Antônio Fernandes

MASSAGISTA: Edvaldo Lisboa

 

BRAZLÂNDIA

DIRETOR: Neimar Trindade Frota

TÉCNICO: Eurípedes Bueno de Morais e Everton Antunes Benevides (Everton Goiano)

PREPARADOR FÍSICO: Euler Freire Cardoso, José Adriano Feitosa e Marcos Fábio Oliveira Lima

MÉDICO: Jussara Argolo

MASSAGISTA: Aramis de Souza Costa

 

CEILÂNDIA

DIRETOR: Hélino Silva Morais e Nadir Lacerda Sardinha

TÉCNICO: Adelson de Almeida e Nivaldo Bonfim da Silva

PREPARADOR FÍSICO: John Kleber Bernardo Araújo e Wilson M. Lopes

MÉDICO: Paulo Roberto Barbosa

MASSAGISTA: Marcos Antônio Martins da Silva (Tatu)

 

CFZ

COORDENADOR: José Ricardo Alves de Freitas

TÉCNICO: Reinaldo Gueldini

PREPARADOR FÍSICO: Alexandre César Bonfim Coutinho

PREPARADOR DE GOLEIROS: Giovani Tomé

MÉDICO: Júlio César Brandão Stohler

FISIOTERAPEUTA: Aziz Chater

MASSAGISTA: Elias Lucas (Black)

 

GAMA

TÉCNICO: Alexi Stival (Cuca) e Jean Cláudio Pereira de Andrade

PREPARADOR FÍSICO: Jean Cláudio Pereira de Andrade

MÉDICO: Walter Rios Zambrana

MASSAGISTA: Alessandro Silva Oliveira

 

GUARÁ

DIRETOR: Manoelino Rodrigues de Souza

TÉCNICO: Adelmar de Carvalho Cabral (Déo) e Francisco das Chagas Santos Mendes (Chaguinha)

PREPARADOR FÍSICO: César Lorenzete Carvalho e Jorge Moreira dos S. Filho

MÉDICO: Cid Fernandes Félix

MASSAGISTA: Luís Alves da Silva

 

LUZIÂNIA

DIRETOR: Wander Marques Abdalla

TÉCNICO: Joaquim Cristiano de Araújo Neto (Bugue) e Pedro Ramos Mendes

PREPARADOR FÍSICO: Adriano de Araújo Meireles, Marcos Aurélio Sudário e Walter Dias Lima

MÉDICO: Julian Machado

MASSAGISTA: Abel Ramos de Paula, Juarez Rodrigues de Souza, Mário Cesário Filho e Marlos G. Santos

 

SOBRADINHO

DIRETOR: Filomeno Barbosa Dias e Humberto Vieira Maciel

TÉCNICO: Antônio José Gomes de Matos (Toni), Francisco Ubiraci Rodrigues de Oliveira (Bira), Manoel Esperidião Pereira (Manoelzinho) e Wellington Tavares Fajardo

PREPARADOR FÍSICO: Paulo César P. da Fonseca, Waldeilton de Castro e Wellington Jorge Vicente da Silva

MASSAGISTA: Sebastião Guedes Monteiro.



segunda-feira, 20 de junho de 2022

OS MELHORES DE 1982


Pesquisa feita pelo jornal Correio Braziliense junto a repórteres de rádio, TV e jornal que fizeram a cobertura do Campeonato Brasiliense e indicou os jogadores que mais se destacaram no futebol em 1982.
Os votantes foram Paulo Cunha (Rádio Planalto), Nelson Motta (TV Globo), Luiz Augusto Mendonça (Rádio Nacional), Antônio Ottoni Filho (Jornal de Brasília), Marcelo Ramos (Rádio Capital) e Irlam Rocha Lima e Paulo Pestana Filho (Correio Braziliense).
A seleção dos melhores do campeonato ficou assim constituída: Haroldo (Brasília), Márcio (Tiradentes), Luiz Fernando (Guará), Jonas Foca (Brasília) e Geraldo Galvão (Guará); Barão (Guará), Wilson Bispo (Brasília) e Wander (Brasília); Mardone (Brasília), Éder (Guará) e Zé Carlos (Brasília).
Barão foi o único que figurou em todas as relações e por isso foi eleito o “craque do campeonato”.

 

Marcelo Ramos

Antônio Ottoni Filho

Paulo Pestana Filho

Luiz Augusto Mendonça

Nelson Motta Gomes

Irlam Rocha Lima

Paulo Cunha

Haroldo

Adriano

Jonas

Adriano

Haroldo

Haroldo

Haroldo

Ricardo

Márcio

Márcio

Márcio

Márcio

Ahlá

Márcio

Luiz Fernando

Kidão

Luiz Fernando

Luiz Fernando

Kidão

Renato César

Luiz Fernando

Jonas Foca

Carlinhos

Carlos Roberto

Carlos Roberto

Luiz Fernando

Jonas Foca

Jonas Foca

Geraldo Galvão

Cuca

Geraldo Galvão

Cuca

Geraldo Galvão

Geraldo Galvão

Zu

Barão

Barão

Barão

Barão

Barão

Barão

Barão

Marco Antônio

Moreirinha

Wilson Bispo

Wilson Bispo

Wilson Bispo

Uel

Marco Antônio

Uel

Alencar

Kleber

Wander

Wander

Vicente

Wander

Mardone

Mardone

Mardone

Mário Jorge

William

Mardone

Wilton

Éder

Éder

Éder

Éder

Éder

Éder

Roque

Zé Carlos

Zé Carlos

Gustavo

Geraldinho

Geraldinho

Zé Carlos

Zé Carlos