Total de visualizações de página

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

DUELO: GAMA x TAGUATINGA



Gama e Taguatinga foram fundados no ano de 1975. Em 1º de julho de 1975, o Pioneira Futebol Clube efetivou a mudança de nome para Taguatinga Esporte Clube. 

Poucos meses depois, mais precisamente em 15.11.1975, foi a vez do Gama ser fundado.

O Gama continua disputando o campeonato brasiliense até hoje. O Taguatinga paralisou suas atividades em 1999.
O Gama é dono do maior número de títulos de campeão brasiliense: 11. O Taguatinga foi campeão brasiliense em cinco oportunidades.
A partir de 1976, no primeiro campeonato de futebol profissional do DF, Gama e Taguatinga realizaram grandes duelos.
E o que ficou para a história desse duelo foi o equilíbrio entre os clubes, senão vejamos:

TOTAL DE JOGOS
77
VITÓRIAS DO GAMA
19
VITÓRIAS DO TAGUATINGA
29
EMPATES
29
GOLS A FAVOR DO GAMA
77
GOLS A FAVOR DO TAGUATINGA
89


A PRIMEIRA VEZ

Bira
A primeira vez que Gama e Taguatinga se enfrentaram foi no dia 1º de maio de 1976, no ainda existente estádio Pelezão.
Com um gol de Bira, aos 36 minutos, o Taguatinga venceu a partida por 1 x 0. Jorge Aloise foi o árbitro do jogo, que teve renda de Cr$ 37.000,00. Maurício, do Taguatinga, foi expulso de campo.

As equipes formaram assim: 
TAGUATINGA: Carlos José, Aldair (Elmo), Dão (Wanner), Dedinho e Chico; Douradinho, Nemias e Banana; Maurício, Bira e Dinarte. Técnico: Eurípedes Bueno.
GAMA: Noel, Bastos, Bill, Santana e Carlão; Dequinha, Almir e Galego; Carlinhos, Carlos Alberto e Zé Luiz. Técnico: Jesus Santos.


A ÚLTIMA VEZ

No dia 2 de maio de 1999, no Bezerrão, no Gama, Gama e Taguatinga duelaram pela última vez. Um empate de 0 x 0 foi o resultado final desse jogo. A ficha técnica do jogo foi a seguinte:

GAMA 0 x 0 TAGUATINGA 
Data: 02.05.1999 
Local: Bezerrão, Gama 
Árbitro: Alexandre Andrade
Expulsão: Marquinhos (Taguatinga)
GAMA: Marcelo Valença, Ceará, Nen, Vagner e Pipoca (Boni); Deda, Rodriguinho, Joilson e Lindomar (Maninho); Mário Zan e Luciano (Robertinho). Técnico: Artur Bernardes.
TAGUATINGA: Capucho, Viana, Marcos (Marquinhos), Junior e Fred; Juninho, Dequinha, Bira e Ivo; André (Rogério) e Pereira. Técnico: Francisco Ubiraci de Oliveira.

AS MAIORES GOLEADAS

Gama e Taguatinga sempre fizeram jogos equilibrados, com, geralmente, dois ou menos gols de diferença. Essa “regra” só foi quebrada uma vez. No dia 3 de maio de 1998, o Gama goleou o Taguatinga, por 4 x 1, sendo este o maior placar entre ambos.

A MAIOR SÉRIE DE JOGOS INVICTOS

Apesar da diferença de dez vitórias do Taguatinga sobre o Gama, curiosamente, nos doze últimos jogos entre eles, o Gama não perdeu. 

De 12 de dezembro de 1993 a 2 de maio de 1999, foram oito vitórias do Gama e quatro empates.

Essa série de jogos sem derrota só é menor que a alcançada pelo Taguatinga, de 19 de agosto de 1994 a 5 de junho de 1988: foram oito vitórias do Taguatinga e cinco empates.




ONDE FORAM REALIZADOS OS 77 JOGOS

Os 77 jogos entre Gama e Taguatinga foram disputados em quatro estádios do Distrito Federal. O Serejão, em Taguatinga, foi o que mais recebeu o duelo: 36 vezes. Logo depois, com apenas um jogo a menos, o Bezerrão: 35. Pelezão e Mané Garrincha já receberam esse duelo em três oportunidades cada um.

Nenhum comentário:

Postar um comentário