Total de visualizações de página

domingo, 25 de setembro de 2016

OS TÉCNICOS DO FUTEBOL BRASILIENSE: Elizeu Bernardo




O ex-jogador e ex-técnico Elizeu de Sousa Bernardo está completando 76 anos no dia de hoje.
Elizeu Bernardo nasceu em Cachoeiro do Itapemirim-ES, em 25 de setembro de 1940.
Começou sua carreira no Estrela do Norte, em 1953 e assinou o seu primeiro contrato profissional no E. C. São João, de Campos (RJ), onde disputou o campeonato daquela cidade no ano de 1954.
Depois, em 1955, se transferiu para o futebol de Minas Gerais, onde jogou no Tupinambá, de Juiz de Fora. 
Em São Paulo jogou na Ponte Preta, de Campinas (1956), São Bento, de Marília (1957), S. E. Sanjoanense, de São João da Boa Vista (1958) e no São Sebastião (1958 a 1963). No futebol paulista jogou durante sete anos. 

Em 1963, pela primeira vez defendeu uma equipe do Distrito Federal, ao disputar o campeonato brasiliense de 1963 com a camisa do C. R. do Guará. Estreou no dia 15 de agosto de 1963, no estádio Aristóteles Góes, na vitória do Guará sobre o Defelê, por 3 x 2. Sua última partida foi em 29 de setembro de 1963.

Em 1964, quando pensava em retornar ao futebol paulista, por indicação do jogador Toco o Luziânia o contratou.

Em 1965, foi vendido pelo Luziânia para o Ypiranga, de Anápolis-GO. O Ypiranga o emprestou ao Atlético Jaboticabal, de onde retornou para o Luziânia e, a seguir, foi negociado com o Atlético Mineiro, onde também teve uma rápida passagem, atuando apenas em alguns amistosos. 
O time do Atlético Mineiro era dirigido por Paulo Amaral que fora preparador físico da Seleção Brasileira na Copa do Mundo na Inglaterra. Quando foi substituído pelo técnico Gradim, este solicitou a contratação de mais dois zagueiros.
Elizeu, então, foi para o Caxias, do Espírito Santo, em 1967, onde ficou por um ano e meio e passou para o Industrial, de Linhares (ES) em 1968, onde teve a sua primeira experiência como treinador. 
Ainda em 1968, retornou para o Luziânia e encerrou a sua carreira de jogador, já na fase amadora, em 1974. 
Nesse mesmo ano foi treinador do Luziânia no campeonato brasiliense, sendo que a primeira vez foi em 11 de abril de 1974, na derrota para o Jaguar, substituindo a Eurípedes Bueno.
No Luziânia, sempre que o clube tinha um problema com treinador, lá estava Elizeu Bernardo para substituir o técnico demitido. Foi assim em várias oportunidades, sempre com a mesma dedicação. Tinha olho clínico para enxergar um bom jogador, revelando vários jogadores para o elenco profissional.
Dirigiu o Luziânia, nos anos de 1974, 1992, 1993, 1994, 1995, 1998 e 2000. No total, entre juniores e profissionais, foram 109 jogos de Elizeu Bernardo no comando do Luziânia, com 48 vitórias, 30 empates e 31 derrotas.

Conquistou o bicampeonato de juniores do DF pelo Luziânia, em 1996 e 1997. 

Na S. E. Parque São Bernardo conquistou o título de campeão amador do Estado de Goiás, em 1974. 
Foi treinador do Ceilândia no ano de 1986, onde revelou o centroavante Brasil, que mais tarde jogou no futebol português.
Também dirigiu as equipes do Cristalina e do Ferroviário, de Porto Velho (RO).

Fonte: José Egídio Pereira Lima, pesquisador da história da A. A. Luziânia.

Um comentário:

  1. Eliseu pegou o Ceilândia nos velhos, memoráveis e maus tempos...começou mal (três derrotas) e... quando estava acertando... saiu... 1, 2, 3... Ceilandia

    ResponderExcluir