Total de visualizações de página

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

O FUTEBOL DO DF NA COPA DO BRASIL - Desempenho dos clubes - Parte 1



De hoje até o dia 8 de fevereiro, próximo, quando o Luziânia estreia na competição, o blog vai contar um pouco da história da participação dos clubes do Distrito Federal na Copa do Brasil, a segunda competição de futebol mais importante do País.

A PRIMEIRA VEZ

No dia 19 de julho de 1989, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, o Tiradentes se tornou a primeira equipe do futebol brasiliense a disputar um jogo válido pela Copa do Brasil. O adversário foi o Atlético Goianiense, de Goiânia (GO), campeão goiano de 1988. O Tiradentes venceu por 1 x 0.
O Tiradentes era comandado pelo veterano zagueiro Beto Fuscão e pelo folclórico treinador Dario, o Dadá Maravilha.
No Atlético, o maior destaque era Valdeir “The Flash”, que mais tarde se transferiria para o Botafogo, do Rio de Janeiro.


TIRADENTES 1 x 0 ATLÉTICO GOIANIENSE
Data: 19 de julho de 1989 
Local: Mané Garrincha, Brasília (DF) 
Árbitro: Márcio Rezende de Freitas (MG) 
Renda: NCz$ 1.641,00
Público: 395 pagantes 
Gol: Moura, 72
TIRADENTES: Déo, Beto Guarapari, Aquino, Beto Fuscão (Kidão) e Ahlá (Ronaldo); Eron, Touro, Wander e Bé; Moura e Régis. Técnico: Dadá Maravilha. 
ATLÉTICO GOIANIENSE: Leonetti, Eugênio, Jatobá, Ferreira e Junior (Ticão); Marçal, Júlio César (Gilson Batata), Mauro Madureira e Jérson; Fernando Almeida e Valdeir. Técnico: Paulo Neli.

Participaram da primeira Copa do Brasil 32 clubes: 22 campeões estaduais e os vice-campeões dos dez Estados com melhor média de público em seus campeonatos (Bahia, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo). 
Os Estados do Acre, Amapá, Rondônia e Roraima não tiveram representantes na primeira Copa do Brasil. O Tiradentes foi indicado representante do DF por ter sido campeão brasiliense de 1988. O campeonato brasiliense de 1989 só foi encerrado no dia 27 de agosto.

Todos os jogos das cinco fases da Copa do Brasil foram disputados no sistema de ida e volta. Foram disputados 62 jogos e assinalados 138 gols (média de 2,2 por jogo).

REPRESENTANTES

Por dez edições, 1989 a 1998, o Distrito Federal teve apenas um representante na Copa do Brasil.

A Copa do Brasil de 1999 foi disputada pela primeira vez por 64 equipes. Com essa “inflação” no número de clubes participantes, o Distrito Federal passou a ter dois representantes: o Gama e o Guará.

O futebol do DF também já teve três representantes em duas edições: 2002, com Bandeirante, Brasiliense e Gama, e 2013, com Ceilândia, Luziânia e Sobradinho.

Eis como está o mapa de participação dos clubes do DF na Copa do Brasil:

CLUBES
ANOS DAS PARTICIPAÇÕES
TOTAL
GAMA
1991
1995
1996
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
2007
2012
2016
13
BRASILIENSE
2002
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2014
11
TAGUATINGA
1990
1992
1993
1994
4
BRASÍLIA
2010
2014
2015
2016
4
CEILÂNDIA
2006
2011
2013
3
GUARÁ
1997
1999
2
DOM PEDRO II
2000
2009
2
CFZ
2003
2005
2
LUZIÂNIA
2013
2015
2
TIRADENTES
1989
1
BANDEIRANTE
2002
1
ESPORTIVO
2008
1
SOBRADINHO
2013
1



Nenhum comentário:

Postar um comentário