Total de visualizações de página

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

DUELO: CEILÂNDIA x CEILANDENSE



A Ceilândia é a região mais populosa do Distrito Federal, com 489 mil moradores, número menor apenas do que 42 cidades brasileiras, segundo dados da Codeplan. Aparece à frente de seis capitais, entre elas Florianópolis, Vitória e Palmas.

Criada em 1971, somente a partir de 1980 é que a cidade passou a ter um clube na principal divisão do campeonato brasiliense, o Ceilândia Esporte Clube (fundado em agosto de 1979).
A cidade permaneceu com apenas um clube na Primeira Divisão do DF até 1994, quando a Sociedade Esportiva Ceilandense (fundada em 1977, mas inscrita no Campeonato de Futebol Amador de Taguatinga) passaria a também disputar o campeonato brasiliense.
Por ironia do destino, em 1994 o Ceilândia paralisou suas atividades (só voltaria em 1996).
Assim sendo, somente em 1996 a cidade pôde contar com a participação de seus dois clubes no campeonato brasiliense da Primeira Divisão.

Ceilândia e Ceilandense continuam disputando as competições oficiais do DF até hoje. O Ceilândia foi vice-campeão em 2016 e a Ceilandense (que trocou de nome em 2009 para Sociedade Atlético Ceilandense e, com esse nome funcionou até 2013, voltando ao nome original em 2014), disputou a Segunda Divisão de 2016 e por lá vai permanecer em 2017.
O Ceilândia já foi por duas vezes campeão do DF: 2010 e 2012. A Ceilandense tem como melhor classificação o quarto lugar em 1998 e 2010 (já foi campeã da Segunda Divisão em 2009).

Foram poucos jogos na história da Primeira Divisão do DF entre Ceilândia e Ceilandense. Apenas 13 vezes se enfrentaram, apresentando os seguintes números:

TOTAL DE JOGOS
13
VITÓRIAS DO CEILÂNDIA
6
VITÓRIAS DO CEILANDENSE
3
EMPATES
4
GOLS A FAVOR DO CEILÂNDIA
21
GOLS A FAVOR DO CEILANDENSE
18

A PRIMEIRA VEZ

A primeira vez que Ceilândia e Ceilandense se enfrentaram foi no dia 30 de março de 1996, no Serejão, em Taguatinga.
Aproveitando-se que seu adversário estava retornando ao campeonato da Primeira Divisão do DF (havia ficado inativo em 1994 e 1995), a Ceilandense não teve dó e goleou o Ceilândia, por 6 x 0.
A ficha técnica desse jogo foi a seguinte:

CEILANDENSE 6 x 0 CEILÂNDIA
Data: 30.03.1996 
Local: Serejão 
Árbitro: Nilson Carrijo 
Expulsões: Marquinhos e Ricardo, do Ceilândia
Gols: Miguelzinho, 3; Márcio, 44; Nildo, 63; Lucas, 85; Kedmo, 88 e Sílvio, 89
CEILANDENSE: Rildo, Axel, Carlão (Lucas), Wilton e Márcio; Sílvio, Divino (Juninho) e Wagner (Nildo); Miguelzinho, Kedmo e Wendel Brasília. Técnico: Jonas Foca.
CEILÂNDIA: Barbosa, Dudinha (Ricardo), Jair, Adauto e Jânio; Marquinhos, Adailton e César (Gil); Ademar, Cassius e André (Vander). Técnico: Aguiman Ribeiro Santiago.

A ÚLTIMA VEZ

No dia 1º de março de 2015, no Abadião, Ceilândia e Ceilandense duelaram pela última vez. Ao final do campeonato, a Ceilandense ficou na última colocação e foi rebaixada para a Segunda Divisão de 2016. Eis a ficha técnica do jogo:

CEILÂNDIA 2 x 0 CEILANDENSE
Data: 01.03.2015
Local: Abadião, Ceilândia (DF) 
Árbitro: Ademário Neves
Renda: Portões Fechados
Gols: Victor Felipe, 45+1 e Edicarlos, 63 
CEILÂNDIA: Léo, Bruno, Arthur, Badhuga, Victor Vieira, Garça (Cassius), Victor Felipe, Tartá, Filipe Cirne (Mário Henrique), Chulapa e Edicarlos (Pablo).Técnico: Adelson de Almeida.
CEILANDENSE: Michael, David (Katiomar), Lúcio, Falcão, Mateus, Velho Velho, Gustavo Gago (Jefferson), Bigu, Rodrigo (Alisson), Daniel e Celso.Técnico: Rogério Dias. 

A MAIOR GOLEADA

Fora a grande goleada da Ceilandense sobre o Ceilândia, citada anteriormente, os demais jogos entre esses clubes sempre foram de muito equilíbrio, com, no máximo, dois gols de diferença. 

ONDE FORAM REALIZADOS OS 13 JOGOS

Os 13 jogos entre Ceilândia e Ceilandense foram disputados em apenas dois estádios do Distrito Federal. 

O Abadião, na Ceilândia, foi o que mais recebeu o duelo: 10 vezes. 

O outro, foi o Serejão, em Taguatinga, que recebeu o três primeiros duelos da história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário